Contribuição previdenciária

Os professores que trabalham em mais de uma escola devem ficar atentos. O INSS considera o total de salários como se você trabalhasse numa única empresa. Por isso, muita atenção para não pagar acima do teto. A melhor opção é concentrar o desconto em apenas uma escola, mas isso só é possível se você atingir o teto de contribuição em uma delas. Se nenhum dos seus salários atingir o teto de contribuição, o desconto será proporcional em cada uma das escolas, de maneira que a soma das contribuições nunca ultrapasse o limite máximo estabelecido em lei.

Em qualquer situação, as escolas precisam ser informadas sobre a sua remuneração total, através de um formulário preenchido nos departamentos pessoais. Pegue o formulário em uma escola e leve-o ao seu outro trabalho para que ele possa ser complementado.

Se você contribuiu acima do teto nos últimos cinco anos, tem direito à restituição desses valores. Veja como proceder no Departamento Previdenciário do SINPRO-SP.

Tabela de contribuição mensal a partir de 1º de janeiro de 2016
Salário-de-contribuição (R$) Alíquota para fins de recolhimento ao INSS (%)
Até R$ 1.556,94 8,00
de 1.556,95 até 2.594,92 9,00
de 2.594,93 até 5.189,82 11,00

Fonte: Portaria Interministerial 1, de 8 de janeiro de 2016 (DOU 11/1)



Ranking de salários
Logo Twitter Logo SoundCloud Logo YouTube Logo Facebook
Plano de saúde para professores
Cadastre-se e fique por dentro de tudo o que acontece no SINPRO-SP.
 
Sindicato dos Professores de São Paulo
Rua Borges Lagoa, 208, Vila Clementino, São Paulo, SP – CEP 04038-000
Tel.: (11) 5080-5988 - Fax: (11) 5080-5985
Websindical - Sistema de recolhimentos
Baixe o APP na Google Play Baixe o APP na Apple Store